Google+ Followers

domingo, 4 de janeiro de 2009

Leitura do Mundo.

Aprendi que é preciso paciência;
que é preciso dar tempo ao tempo e
esperar que as sementes germinem;
que de troncos aparentemente mortos, brotam folhas.
Aprendi que tudo está relacionado;
que uma coisa faz parte da outra;
que nada está isolado do conjunto;
que a Providência a tudo alcança;
que o que parece tragédia é reconstrução;
que os solos mais férteis e prenhes de vida nascem da lava vulcânica;
que a harmonia sobrevive à sanha dos homens e constantemente lhes impõe lições;
que as pessoas são diferentes, muito diferentes, umas das outras e que esse é o natural;
que nada está estático, pois até as rochas estão em movimento;
que não existe o feio, a não ser na concepção humana,
que a morte é o início da vida nova e que portanto não existe um final que não seja relativo;
que o mais perfeito sitema de dominação sempre deixa brechas,
que a vida é muito forte e flores nascem nas rachaduras do asfalto.
Aprendi que é sempre bom revermos aquilo que estamos cansados de rever
pois cada vez mais estaremos habilitados a enxergar o novo que há em nós.

Um comentário:

  1. Albatroz...que arrebata as outras aves com seu vôo majestoso, no céu és um Deus...claro que fora feito para andar.
    Parabéns pelo Blog ( de finíssimo bom gosto ) continue alçando grandes vôos...
    ------
    Este texto "Leitura do Mundo" revela a grande harmonia criada por Deus.
    "Só existe o Mal na ausência do Bem"
    "Só existe o Escuro na ausência da Luz"
    Abraços
    Claudio

    ResponderExcluir

Faça seu comentário estabelecento o máximo de relações entre as ideias, representações, categorias e conceitos estudados.